medicina preventiva

vacinas

Hepatite B adulto

Via de aplicação

Intramuscular (IM)

 

Esquema de vacinação

Para a vacinação rotineira em crianças:

Esquema de 4 doses: ao nascimento (nas primeiras 12 Horas de vida) e aos 2, 4 e 6 meses de vida (00 - 02 - 04 -06) ou

Esquema de 3 doses: ao nascimento (nas primeiras 12 Horas de vida) e aos 2 e 6 meses de vida (00 - 02 - 06)

Nota: o esquema de 4 doses pode ser adotado quando é utilizado uma vacina combinada que inclua a vacina da Hepatite B, ou seja, a primeira dose ao nascer, com a vacina isolada, e aos 2, 4 e 6 meses de idade com DTPa-VIP-HB/Hib (Hexa)

 

Para prematuros vacinados ao nascer:

Esquema de 4 doses: ao nascimento (nas primeiras 12 Horas de vida) e aos 2, 4 e 6 meses de vida (00 - 02 - 04 -06)

 

Para crianças mais velhas, adolescentes e adultos (eventualmente não vacinados no 1º ano de vida):

Esquema de 3 doses: intervalo de 1 mês entre a primeira e a segunda, e de 5 meses da segunda para terceira (00 - 01 - 06)

 

Nota: para crianças a partir de 12 meses de idade, adolescentes e adultos a vacina combinada para as Hepatites A e B é uma opção e pode substituir a vacinação isolada para as Hepatites A e B.

 

Para pessoas com comprometimento do sistema imunológico:

Esquema de 4 doses: necessitam de dose dobrada em 4 aplicações (00 - 01 - 02 -06) para melhorar a resposta ao estímulo produzido pela vacina.

 

Nota: Dose(s) adicional(is) da vacina pode(m) ser necessária(s) em pacientes imunocomprometidos ou submetidos à hemodiálise, pois os títulos de anticorpos protetores (> 10 mUI/mL) pode não ter sido alcançado após a série primária de imunização.

 

Indicação

Para pessoas de todas as faixas etárias

Faz parte da rotina de vacinação das crianças, devendo ser aplicada, de preferência, nas primeiras 12-24 Horas após o nascimento, para prevenir hepatite crônica, forma que acomete 90% dos bebês contaminados ao nascer

Especialmente indicada para gestantes não vacinadas

 

Contraindicação

Pessoas que tiveram reação anafilática a qualquer componente da vacina ou a dose anterior

Pessoas que desenvolveram púrpura trombocitopênica após dose anterior da vacina com componente hepatite B

A vacinação deve ser adiada em caso de febre ou doença aguda 

Nota: a vacina não deve ser aplicada na região dos glúteos, devido à variabilidade da quantidade de tecido gorduroso desta região, resultando numa resposta imunológica inadequada (diminuição de anticorpos).


  • Verificar a disponibilidade das vacinas com a nossa equipe.
  • Para agendamento, ligue em nossa central.
  •       13 3281-3000
          13 99610-9324
  • Os pacientes devem trazer pedido médico indicando a vacina, caso a mesma esteja fora do calendário nacional de vacinação.
  • >