medicina preventiva

vacinas

Hepatite A adulto

Via de aplicação

Intramuscular

 

Esquema de vacinação

Duas doses com intervalo de 6 meses

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e de Imunologia (SBIm) recomendam a aplicação rotineira aos 12 meses de idade e a segunda dose aos 18 meses, (podendo se estender até 36 meses). 

Nota 1: adolescentes e adultos não vacinados anteriormente para as Hepatites A e B devem ser vacinados o mais precocemente possível (2 doses: 00 - 06 meses).  A vacina combinada para as Hepatites A e B é uma opção e pode substituir a vacinação isolada para as Hepatites A e B. 

Nota 2: na população com mais de 60 anos é incomum encontrar indivíduos suscetíveis. Para esse grupo, portanto, a vacinação não é prioritária. A sorologia pode ser solicitada para definição da necessidade ou não de se vacinar. E contactantes de doentes com Hepatite A, ou durante surto da doença, a vacinação deve ser recomendada. 

Nota 3: quando a vacinação não ocorrer nas idades recomendadas, fazer o mais cedo possível.

 

Indicação

Todas as pessoas a partir dos 12 meses de idade.

 

Contraindicação

Pessoas que tiveram reação anafilática a qualquer componente da vacina ou a dose anterior

A vacinação deve ser adiada em caso de febre ou doença aguda

Nota 4: a vacina não deve ser aplicada na região dos glúteos, devido à variabilidade da quantidade de tecido gorduroso desta região, resultando numa resposta imunológica inadequada (diminuição de anticorpos). 

Nota 5: a imunogenicidade da vacina pode ser reduzida por tratamentos com imunossupressores (Radioterapia, Quimioterapia, uso de drogas imunossupressoras como corticóides)  ou condição de imunodeficiência (Câncer, HIV, doenças reumatológicas, transplantados). Nestes casos recomenda-se adiar a vacinação até o final da doença ou do tratamento.


  • Verificar a disponibilidade das vacinas com a nossa equipe.
  • Para agendamento, ligue em nossa central.
  •       13 3281-3000
          13 99610-9324
  • Os pacientes devem trazer pedido médico indicando a vacina, caso a mesma esteja fora do calendário nacional de vacinação.
  • >